Paróquia São José / Arquidiocese de Palmas-TO - (63)-3217-1192
Formação
Textos formativos

O que é a dedicação de uma Igreja

30 de August de 2013 0 comentário(s) Criar Click Artigos

Nas primeiras comunidades cristãs os fiéis reuniam-se nas casas para a oração e o partir do pão. Mas, no decorrer dos séculos, foram sendo construídas igrejas, nas quais se celebra o Mistério Pascal de Cristo nos sacramentos. Por isso, as Igrejas procuram expressar, já em sua arquitetura, o mistério que nelas se celebra.

Em primeiro lugar, deve-se destacar que a Igreja é formada por cada um de nós. Fazemos parte do edifício espiritual, como nos aponta a carta de São Paulo aos Efésios: "Vós fostes integrados no edifício que tem como fundamento os apóstolos e os profetas, e o próprio Jesus Cristo como pedra fundamental" (Ef 2, 20). A Igreja templo é, na verdade, o sinal do Mistério da Igreja, isto é, sinal da Igreja formada pelos fiéis como Corpo Místico de Cristo.

É neste sentido que há a tradição de se construir igrejas sustentadas por 12 colunas. As 12 colunas simbolizam os 12 apóstolos do Jesus, que são o alicerce da Igreja, como aponta o texto de Efésios. Nestas colunas fixam-se cruzes de pedra, metal ou outro material que são ungidas pelo bispo no dia da Dedicação. A unção significa que daquele momento em diante o edifício todo está totalmente dedicado ao culto divino. A igreja torna-se imagem da Cidade Celeste. 

Também no dia da Dedicação é acesa uma vela diante de cada uma das cruzes fixadas nas colunas. As palavras do bispo ao acender as velas nos ajudam a compreender o que as 12 velas significam: "A luz de Cristo resplandeça na Igreja e conduza os povos à plenitude da verdade", Este rito simboliza a luz de Cristo que invade todo o espaço sagrado e que deve invadir também o coração dos fiéis que formam a Igreja, Corpo Místico de Cristo. 

A cada ano, no aniversário da Dedicação da Igreja repete-se o gesto de acender as velas diante das colunas como forma de lembrar os fiéis que no templo que foi consagrado resplandece sempre mais a luz de Cristo através dos sacramentos que ali são celebrados.
Estes sinais nos levam a respeitar sempre mais o templo sagrado da Igreja, no qual se reúne a Igreja viva formada pelos fiéis, já que pelo batismo todos somos configurados como verdadeiros templos do Espírito Santo.

Comentários

Este Artigo não possui comentários ou o Administrador do Sistema ainda não autorizou a publicação dos comentários submetidos!!!

Adicionar Comentário